Excite Bike – O Porradeiro

Dorkly é gênial, puxando o contexto do post anterior. Os caras conseguem unir animações de games com roteiros super engraçados baseado em perguntas e observações que nós mesmo fazemos. É o caso de Excite Bike, um jogo de motinhos, onde o corredor é um baita filho da mãe que derruba todo mundo na porradeira e ainda pula que nem um louco varrido no pódio tirando terceiro.

 
Pelo menos ele não chora que nem o Rubinho. #Fato.
Toma Rumo Guri!!

Newton #02

Opa! Beleza?

A segunda tirinha do Newton, agora o Newton, o Virgem tem seu próprio blog também: http://newtonvirgem.blogspot.com. Acompanhem. Ou não…

Importante falar que as tirinhas do Newton são bem conceituais, biográfica e no que estou experimentando e chamando de não bem compreensivas, haha. Algo tipo o que o Horácio faz com o Maurício de Souza… =p Algumas vezes vou utilizar o artifício pastelão, não se preocupem, huhu.

Agora curtam ela:

As condições de iluminação dessa tira devem ser desprezadas, como tudo, na física. u.u

Toma Rumo Guri!!

Skyloki – parte I

Grrr… Eu sou Yrumyr, o bárbaro. Antes de mais nada preciso falar três coisas:

1 – Sou um bárbaro de uma era muito antiga e onde os modos não eram em nada levados em contas. A arte de arrotar era pra lá de sedutor e ganhei várias rameiras atráves disso. Portanto se você é uma dama, menor de idade ou apenas um bardo afrescalhado mantenha os olhos fora desse post.
2 – Sou um bárbaro, mas tenho a arte da descrição. Não sei ler os signos de meu povo, mas sou letrado na arte da oratória. Enfrentando muitos feiticeiros aprendi muita coisa, Não me julgue tão rápido, lembre que vivo em tempos difíceis onde faz pouco os dragões foram extintos. E não, não uso cueca de texugo.

3 – Não tenho muita predileção na vida. Anseio apenas por comer, dormir com belas garotas (tão difícil nessa época) e trollar. Vocês não devem conhecer esse termo, mas cito-os em referência aos trolls também cada dia mais raros nas florestas. Os detestáveis Orcs, ao contrário, se espalham.

Talvez tenha que dizer mais isso: Não quero mais ser bárbaro, quero ser um Paladino!! Mas quando começo a melhorar… Meto os pés pelas mãos.

Acompanhe minha jornada.

Acordei muito cedo hoje. O taberneiro descobriu que minha algibeira é mais vazia que a cabeça de Thula, sua filha. Aliás aquilo sim é mulher, pena que tão burra. Grouf! Pois bem. Andei algumas horas e fui preso ao tentar roubar um ovo de tartaruga. Fui condenado a deceparem minha cabeça, mas no momento em que ia dizer “Dirce” e minha cabeça iria parar no cesto vi um dragão tão grande quanto uma torre incendiar toda a vila. Quem diria que eles ainda existem e um deles até salvaria minha vida. Um homem de porte nobre me acompanhou até uma caverna e me deu armas para enfrentar o dragão. Mostrou-me também seus prisioneiros de guerra e disse que eu era o escolhido para salvar todos, se casar com a princesa de seu povo e administrar o reino com sabedoria. Eu disse phoda-se!! – Cortei sua cabeça e entreguei para os prisioneiros jogarem “Arremesso no Gigante”, um esporte que consiste em arremessar um objeto arredondado em um cesto maior e acima de uma altura humana. Esporte para violentos. Tô fora!
Sai da caverna por um buraco que achei e segui uma estrada rente a uma bela cachoeira. O rio seguia calmo e refletia a luz do sol a se por. Chorei de um olho. Bonito.
Ao chegar na vila adentrei sem bater na primeira casa que vi, aquelas que estão próximas a divisa, sabe? Era uma bonita casa onde até fui bem recebido. Porém quando peguei alguns legumes a mulher enlouqueceu. Pegou uma faca de copa e abriu um talho em minha cara. Fiquei puto. Mesmo assim tentei sair da casa para pegar legumes em outro casebre. Foi quando a mulher me perseguiu pelas ruas me chamando de ladrão. grrrrrr. Só peguei coisas sem serem minhas, isso não lhe dava o direito. Logo eu, tão culto da vida. Ela me esfaquiou mais algumas vezes quando me enfureci e cravei nela minha espada de batalha.

Ela tombou bonito ao chão. Ela devia ser mal comida, seu marido não veio tirar satisfação. Quem veio foi um gordo nojento que só queria um desafio. Chamei na chincha também.

 Ele não deu nem pro cheiro. Mas gostei do machado dele. Amo essa nova arma.

Tirei a roupa dele pra vender para algum mercador, mas vejam que posição esquisita ele ficou. Acho que ele se excitou vendo eu cravar uma espada na fêmea.

Falando na fêmea… Despi-apara vender suas roupas para o mercador que paga mais por roupa de fêmea. Antes de ir dei aquela olhadinha naquelas montanhas sentantes. Uiiii.

Pois bem. Depois de toda essa diversão fui a uma casa maior de 2 andares. Aparentava ser um mercado, mas descobri que ali rolava algo muito sinistro.

“Olá. Tenho fome. O que tens a me oferecer?”

Logo saquei o que ele quis dizer com tudo. Era tudo mesmo.

Sentiram onde eu estava? Num puteiro!! Vou destruir esse lugar. Grrrrrrrrr!!

Chega por hoje. Vou procurar uma taverna bem agitada e vou encerrar minha noite por aqui. Dúvido que ache nessa lugar esquisito. Melhor partir logo… Até breve.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
Alô, você!  Isso é um post ficticio (ah, sério?) e de humor envolvendo histórias fantásticas medievais. Não leve a sério o conteúdo, não repita suas ações em nenhuma instância (apenas nos games, ok?) e não tem apologia a violência e desvalorização dos principios e valores aprendidos em sociedade. Importante essa nota porque existem pessoas que não sabem o que é um post fantasioso e podem se ofender com o material. Então repito, é um jogo de videogame onde exploro a vida de um bárbaro – agindo como tal – e como nos moldes de GTA que você faz o que quer o mais divertido é barbarizar. Porém isso fique no contexto dos jogos, certo? Bom tá avisado. Fora isso, comentem, dêem um feedback se gostaram, se posso caracterizar mais, etc. Leva a vida menos a sério em um videogame.

Certidão de Nascimento de Goku

Em época que você olha para TV e vê atrocidades acontecendo em todos continentes, quando vê que o amor pelo próximo esfriou e que o Datena ganha força na era da barbárie, sim, no meio dessa escuridão toda você vê uma luz no fim do túnel. A certidão de nascimento do Goku:

Finalmente um herói para nos defender. Levante suas mãos para o céu… E faça uma Genki Dama, huhu.

Toma Rumo Guri!!

SDMQ – Batcasório

Beeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeem amigos da Marvel e DC Comics – Sim, Imagem tá tão em baixa. u.u
Estamos de volta em definitivo para falar do retardado famigerado mundo dos quadrinhos. Sou o seu host, deixe-me conduzí-los para um passeio ao mais maluco lugar do mundo: A imaginação fértil do ser humano. E pra comemorar a volta, o nosso bom e velho Batman se casando com a, pasmem, Batgirl:

O que vai ser de ti, Robin? Ah, chapa… Não esquenta, a Batgirl nem sempre vai querer ceder atrás. Teu lugar nas Bat-investidas estão garantidas.

Toma Rumo Guri!!

Cara, Cadê meu Cartucho??

Cowabanga!! Está no ar o Pankeka Cast #3 – “Cara, Cadê meu Cartucho?”.

Assopre suas fitas, coloque a camiseta por cima de seu controle de Snes e viaje nessa viagem  nostálgica (Com o motorista Superguri, Clark como cobrador, Digaum nas vendas de passagens e o homem das máquinas Destemido nesse ônibus do tempo) sobre o mundo dos games antigos,  cheios daqueles pixeis que nos faziam nos divertir por horas a fio.

    

Alguns jogos mencionados nesse Pankeka Cast:

#Adventure 

 #”Pega Ladrão”

 #Golden Axe

#Black Belt

# Phantasy Stars

#Double Dragon

#Punch Out

#Goal 3

Looney Toones – Basquetinho…

Programa gravado na no início de janeiro. Curtam essa pérola do non-sense. Pankeka Cast de hoje é patrocinado (vide recados, haha) pelo Artesanoides. Quer encontrar caixas estilizadas para guardar sua coleção de terror? O lugar é Artesanoides. #fikdik.

Você pode mandar seu comentário, crítica, sugestão ou informação para tomarumoguri@gmail.com com o subject (assunto) Pankeka Cast. Participe!
 

Toma Rumo Guri!!

Newton #01

Voltamos com tudo e não estamos prosa. No pós dia de volta já temos uma estréia. As tirinhas do Newton. Como diria o narrador da Sessão da Tarde: É um gênio para lá de esquisitinho que apronta mil e uma confusões… Espero que gostem, novas atrações de suas sextas.

                                                                  Clique para ampliar

É a equação perfeita para seu bom humor.

Ah, to com sono. Sem piadas rebuscadas hoje.



Toma Rumo Guri!!

É 1000!!

Toma Rumo Guri!!

Não, o post de hoje não acabou mais cedo do que você previa. O que acontece é que pelo menos mil vezes você viu essa frase por esse blog. Pelo menos. E eu disse mil… MIL!! Um seguido por três zeros. Sim, chegamos ao post de número 1000 e isso é algo a se comemorar. Não é qualquer blog que chega a essa marca e eu não posto 13 posts por dia como alguns ociosos da blogosfera. é tudo direitinho, respeitando você e minha capacidade de não enlouquecer e sair matando mané na rua com garfo de plástico. Sim, é festa… Fica, vai ter bolo… Você é meu convidado =p

O nascimento.

O blog nasceu no dia 01 de dezembro de 2007 e na época por mais que saísse uma coisa ou outra de conteudo próprio a maioria dos posts continha conteudo de internet com minha versão peculiar de ver o mundo. Porém era nítida minha vontade de fazer o próprio conteúdo, pois o primeiro e o segundo post eram sobre coisas da minha vida. Como o dia que um amigo teve pedras nos rins: As irmãs Olsen.



Adolescer.

Crises nessa fase sempre pinta. Será que meu nome é bonito? Já pensei algumas vezes se deveria trocar o nome do blog para algo mais chamativo como GuriNerd, entre outros nomes, mas o que pega é que é a identidade do blog. Sou nerd absolutamente convicto e por maioria de votos, mas não preciso deixar implícito algo que os leitores podem sentir no cerne desse lugar. Sim, no âmago.

Influências.

Todo mundo tem. Eu tenho os meus, mas não deixo me dominar por fazer uma cópia. Fiz o blog quando comecei a ler o Treta há muitos anos atrás. Mas não fiz um blog baseado no onanismo, fiz o meu humor nerd. Hoje em dia aprecio o Jovem Nerd, mas nem por isso faço a mesma coisa. Verdade há de ser dita, meu blog é nerd antes de eu conhecer a onda que o Alotoni e o Deive conseguiram criar baseados no ápice geek que veio de fora, é muito importante salientar que antes de modinhas eu era um nerd e isso se espalha por tudo que faço. Porém uma coisa que me baseio neles é em como fazer um podcast de qualidade, o pod do blog nasceu por eu curtir demais o Nerdcast. Ponto. Tirando pods nada mais praticamente foi referência direto, seja gibi, games (ai ai, vai dar trabalho…). É preciso mencionar que por anos o blog foi de varzea propositalmente se diferenciando totalmente dos outros.

Parcerias.

Tópico pequeno, não tive quase sempre nem tempo nem saco de me encomunhar com gente por aí, o que sei que ocasiona em não divulgação. Mas quando pude me associei a pessoas legais, com blogs legais e com trabalhos que eu daria um “curtir” com certeza.

Pessoas famosas no TRG

Muita gente achou que era inventado, mas a verdade é que o Repórter 3 Perguntas realmente entrevistou nomes de peso como a Martha Medeiros, Rosana Herman e o Rafael Losso (Esse sem peso, magro que dói…). Foi a primeira vez que eu olhei para o blog e falei: “Pô, olha aonde eu consigo chegar…”. Isso em 2008… Ah, deu as caras fora da seção, mas foi engraçado a guria que twitou durante o Enem, huhu.

O blog cobrindo eventos e ganhando respeito

eu e a Bezerruda (@bezer_rinha) cobrimos alguns eventos nerds como a Comic-Con-RS, o AnimeXtreme e até mesmo estréias como o lançamento do filme do Thor e do Capitas. Tiramos fotos pra caramba e disso culminou um dos momentos que achei muito massaveio: O Toma Rumo Guri (TRG!!) apareceu no Melhores do Mundo (MDM). Foi fodástico ver o mascotinho do blog, o gurizito, botando a língua pros desmiolados leitores do MDM. Significa? Kkkkk.

 
Lendas.

Apenas 4 pessoas além de mim escreveram no TRG. Bezerra Negra, Betaum, Digo_CTG e uma guria chata que acho que tinha deletado até o post. Ou não.

Posts.

Procuro me manter fiel ao tempo e praticamente quase nunca apaguei um post. Arrependimento é para os fracos. u.u Fora que tenho uma inércia enorme para fazer coisas de modinha, per examplê: Memês, são legais e tal, mas usei cota para eles ao contrário de gente que usou e abusou. Tem blogs só de memês.

Pankeka Cast

Nosso podcast e que com o maior orgulho, boa vontade e alegria eu faço com convidados pra lá de gente boa. Fico feliz que tenha pessoas sábias e legais como amigos que me permitem fazer esse mini-sonho se tornal real. Superando minha voz de taquara rachada tento trazer o TRG para algo mais distante de algo unidimensional.

Planos expansionistas.

Não vou mentir para vocês amiguinhos, dizendo que não vou fazer aquilo que tento todas as noites: Tentar conquistar o mundo!! Tãããã, mas faço isso a parcelas pequenas e você leva um bermudão maneirríssimo de brinde. Pois então, planos temos ao monte. Eu queria fazer um VideoCast, mas isso não sei se rola por enquanto. Fora isso desde o ano passado tenho conseguido fazer conteúdo exclusivo e de autoria própria. Vou tentar manter isso, mas as imagens da internet vou tentar penetrá-las novamente de maneira satisfatória.

Recordistas.

Se não me falham a memória o post mais acessado é o da Supergirl, o que tem mais comentários deve ser o do Crepúsculo (Ecati!!).

A verdade está lá fora.

Além do citado dia que dei a cara no MDM, também fiz um toteiro para as tirinhas dos Irmãos Brains no dia mundial do Rock. Foi tri e rendeu acessos pacas. Tivemos promoção de conta do Orkut, mas isso é uma derrota.

Desacertos.

Além da famigerada promoção tivemos muitas coisas que não deram certo. Guitar Girls, Seções que nunca foram ao ar e outras que não consegui conciliar. A última foi o Contos Nerds por falta de Tempo.

Bônus.

Vocês a partir de hoje conhecem melhor um pouco mais do blog e devem saber que seu autor se chama Saul Junior e que hoje, dia em que posto o post 1000 faço aniversário, passei na Universidade Federal do Rio Grande do Sul e to feliz pacas com as pessoas que amo. Deus obrigado por Tu ser Real pra mim, obrigado mãe por tu ser uma guerreira de deixar Xena no chinelo e Marcela por ser o meu tum-tum favorito. Agradeço-lhes. Menção honrosa para o meu pai que sempre está junto com vocês leitores, a quem agradeço muito também. Mas comentem.

Enfim, pra terminar gostaria de agradecer a todos que acompanham o TRG!! e reafirmar o compromisso de fazer muito conteúdo nerd divertido e informativo. Espero cada dia mais melhorar e trazer o melhor que minha mente criativa e alam puder criar. Sigam me os bons no Twitter ( @superguri ) e fiquem com as 3 “frases” de três pessoas que eu estimo muito e que com certeza saberão definir o que rola por aqui melhor que eu:

– Melhor blog de humor e cultura nerd, rumo ao seu quinto ano. Voltando com tudo e melhor ainda!  Ps. Fui submetida ao teste do sofá. – Marcela.

–  congratulations! you have unlocked a new stage! try on a harder level  – Mateus.

– Ei, gato, te espero atrás do html. – Mulher-Maravilha.

 Ops…

=x

Toma Rumo Guri!!
Vida próspera e longa, Deus abençõe a todos e ao alto e avante!

Eastern egg: Esse post foi programado para ir ao ar no dia do meu aniversário exatamente na hora que nasci. =)